Esquadrilha da Fumaça visita instituição que atende pessoas com necessidades especiais

Integrantes da Esquadrilha da Fumaça passaram a manhã desta segunda-feira com os alunos da Associação Pestalozzi
Com aplausos e assovios: assim foram recebidos os pilotos e mecânicos da Esquadrilha da Fumaça na Associação Pestalozzi em Brasília (DF), na manhã desta segunda-feira (04/09). A entidade, que atende em torno de 130 adultos com deficiência intelectual, convidou os militares para interagirem com os assistidos.

Segundo a coordenadora-geral da instituição, Luciana Siqueira de Pinho, outros militares da Força Aérea Brasileira estiveram no local para realizar serviço voluntário e os alunos ficaram eufóricos. “Eles são adultos, precisam conhecer as coisas como são. Procuramos não infantilizá-los. Além de eles admirarem o trabalho da Esquadrilha, os militares também despertam um espírito cívico muito importante”, afirma ela.

Após mostrarem um vídeo com manobras das aeronaves, os integrantes da Esquadrilha entregaram materiais educativos sobre a Força Aérea e interagiram com os assistidos, que têm todos mais de 21 anos. Fabiana Bolsso é professora da Associação há dez anos e explica que o assunto tratado durante a visita, depois, é explorado em sala de aula. “Essas ações de inclusão são sempre muito importantes. Essa, em especial, porque a maioria já conhece o trabalho da Esquadrilha”, avalia Fabiana.

Estevan é um dos assistidos e diz que, sempre que a Fumaça se apresenta na Ala 1, na capital federal, ele consegue acompanhar pela janela de sua residência. “Isso aqui eu vou dar de presente a uma amiga minha que não pôde vir hoje, o nome dela é Mônica”, diz ele, em referência às revistas em quadrinho da Turma da Mônica feitas especialmente para a FAB e entregues aos alunos.

A Sargento Patrícia Maria Gabriel, que chegou à Fumaça no início deste ano, emocionou-se com a ação. Segundo ela, todos saem ganhando com atividades desse gênero. “Nós também levamos muitos aprendizados dessa troca; é muito gratificante. A gente vê que tem tudo para ser feliz”, explica. O Tenente-Coronel Ubirajara Costa concorda. Ele agradeceu a oportunidade à Associação Pestalozzi: “esse é o espírito fumaceiro”, resumiu o piloto.

Fotos: Sargento Bruno Batista
Fonte: FAB

Comentários

Postagens mais visitadas