Sábado Aéreo em Brasília recebe cerca de 40 mil visitantes

Um dos destaques do evento foi a exposição da maquete do Gripen NG, nova aeronave de caça da FAB
Com atrações para crianças, adultos e aficionados pela aviação, a Base Aérea de Brasília (BABR) recebeu (12/09) cerca de 40 mil pessoas durante o seu tradicional Sábado Aéreo. O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, prestigiou o evento.

O Sábado Aéreo começou às 9 horas, mas cerca de uma hora antes já havia gente aguardando para iniciar a visita. O corretor de imóveis Robertson Souza Oliveira, 43 anos, veio com toda a família de Taguatinga, cidade distante 20 km de Brasília. “É a primeira vez que visito o Sábado Aéreo. Tenho muita curiosidade por aviação e sempre quis ver de perto uma aeronave”, ressalta.

Durante o dia inteiro, o público conheceu várias aeronaves utilizadas em missões da Força Aérea Brasileira (FAB), como o C-105 Amazonas, C-95 Bandeirante, além de caças A-1, F-5M e A-29 Super Tucano.

Uma das atrações à parte foi a maquete em tamanho real do Gripen NG, avião que será empregado na defesa aérea do País. O servidor público Renato de Santana Fernandes, 35 anos, foi um dos que aproveitou para tirar fotos com a família em frente ao caça. “Fiquei impressionado. Acho que o Brasil precisa ter uma aeronave deste porte preparada para servir à nação”, explica. 

Os visitantes também puderam apreciar exposição de carros antigos, equipamentos militares e show com a Banda Clave de FAB. Além disso, tiveram a oportunidade de saber um pouco mais sobre as atividades da Força Aérea por meio de estandes de unidades da instituição montadas no evento.

"O Sábado Aéreo é uma forma ímpar para a sociedade conhecer o trabalho da Força Aérea desenvolvido nos mais variados locais do País", destaca o Coronel Aviador Antonio Luiz Godoy Soares Mioni Rodrigues, comandante da Base Aérea de Brasília.

Quem esteve no Sábado Aéreo pela primeira vez já tem planos para o ano seguinte. Caso do manobrista João Paulo de Oliveira Barcelos, 33 anos. Ele trouxe o filho Arthur, de 3 anos, para conhecer os aviões da FAB. “É um evento muito familiar e bem organizado. Gostei muito das aeronaves e meu filho do Mirage. Quem sabe não desperta nele, de repente, o interesse pela aviação. Pretendo voltar no próximo ano”, afirma.


Assista ao vídeo:

Fonte: Agência da Força Aérea

Comentários

Postagens mais visitadas