Evento: Jornada mundial das mulheres do ar é realizado na França

O Evento contou com a participação de diversas mulheres militares das Forças Armadas e da Polícia francesa.

De 2 a 08 de março de 2015, foi realizado no Aeroporto de Avignon na França, a jornada mundial das mulheres do ar, cujo tema este ano é "servir com honra - 100 anos de mulheres na aviação de combate. »
O evento será o encerramento da semana mundial da mulher no dia 8 de março pelo Dia da Mulher. Nesta ocasião, Avignon vai sediar o dia da consciência do público feminino para as atividades da aviação organizadas na França. Mulheres pilotos de combate e de outras atividades serão homenageadas nesse evento único. A Força Aérea francesa vai participar com a exibição de um helicóptero Fennec e Sirrus R22 da academia de Salon en Provence. Além de aviadores da Força Aérea Francesa, o evento também vai receber as tripulações da Aviação leve do Exército (ALT), da Marine Nationale e da Gendarmerie (Policia Militar Francesa). Mostrando que as forças armadas da França possuem o maior contingente operacional feminino da Europa.
No dia 20 de fevereiro de 2015, durante um discurso para o grupo das "Grandes Escolas femininas," (termo Frances para generalizar as mulheres que se dedicam a aviação) o Sr. General Denis Mercier, Chefe do Estado Maior da Força Aérea (CEMAA), teve a oportunidade de homenagear as Mulheres na aviação. Nesta ocasião, ele lembrou que as Forças Armadas da França sao as mais feminilizado da Europa. "Desde a sua criação, foi construída em torno de mulheres aviadoras como Maryse Bastie, Jacqueline Auriol (recordista de velocidade em Mirage III a 1a mulher a quebrar a barreira do som), Elizabeth Boselli, ou Valérie André". Hoje, as mulheres na Força Aérea, são "um pouco mais de 10 mil, cerca de 23% da força de trabalho, com uma grande diversidade de origens e carreiras." O CEMAA também lembrou que é "o único exército que não tem imposto restrições às mulheres para qualquer especialidade ou atividade." Para ele, não há diferenças específicas entre homens e mulheres em forma de ordem, mas bastante peculiar a cada um: "Conhecer a si mesmo é essencial. Todos devem ser sincero e desenvolver o seu próprio estilo de liderança."


Números das mulheres nas fileiras na Força Aérea da França.

Cerca de 10 000 mulheres, ou 23% da força de trabalho.
52% deles são sargentos
39% Soldados
9% oficiais (2 deles tem a patente de general).
110 mulheres aeronautas em atividade.
As mulheres representam 30% dos candidatos para o recrutamento.

















Fotos e Texto: Yamandu Wanders

Comentários

Postagens mais visitadas