Usina de energia solar cega pilotos na Califórnia

Agência americana de segurança na aviação recebeu duas reclamações anônimas de pilotos que mencionaram um brilho vindo da usina que atrapalhava a visão nos céus
A Ivanpah Solar Electric Generating System, maior usina de energia solar do mundo
Ivanpah Solar Electric Generating System: pilotos de avião estão reclamando de um brilho "quase cegante" refletido pela gigantesca usina. (Divulgação/Business Wire)

 

A Ivanpah Solar Eletric Generating System é a maior usina de energia solar do mundo. Localizada no sul da Califórnia, possui 173 500 grandes espelhos (chamados heliostatos) que refletem a energia do sol para caldeiras, em três torres de 140 metros.

O calor esquenta a água, que gera 377 megawatts de eletricidade para o estado.

Mas pilotos de avião que circulam pela região estão reclamando de um brilho "quase cegante" refletido pela gigantesca usina de energia solar.

A agência americana de segurança na aviação recebeu duas reclamações anônimas de pilotos que mencionaram um brilho vindo da usina que atrapalhava a visão nos céus. Uma reclamação veio de um controlador aéreo de Los Angeles e outra de um piloto que decolou do Estado de Nevada.

"Nem o piloto nem o copiloto podiam olhar na direção da usina, devido ao brilho intenso. Da poltrona do piloto, parecia que estávamos olhando para o sol. Em minha opinião, o reflexo desses espelhos é um perigo para voar, pois por um período de tempo eu não conseguia perceber se vinha alguma outra aeronave naquela direção", diz o relatório de um dos pilotos que reclamou do brilho da usina de Ivanpah.

De acordo com um porta-voz da NRG Energy, empresa que opera a usina, o brilho excessivo é um problema temporário. "Os incidentes aconteceram antes que a usina entrasse em operação, quando operários ainda estavam testando os heliostatos", afirmou.

A FAA, agência que regula a aviação nos Estados Unidos, afirma que está ciente do problema e está encontrando as melhores formas de alertar os pilotos sobre a questão.

A mesma usina havia sido notícia em fevereiro, por queimar aves atraídas pelos espelhos. Onze pássaros foram encontrados feridos ou mortos durante a fase de testes da Ivanpah, ainda em 2013.


 

Fonte: Info via Exame

Comentários

Postagens mais visitadas