Equipe conclui treinamento na Base Aérea de Natal


Após um período de dezoito dias na Base Aérea de Natal (BANT), em Parnamirim/RN, o Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA)- Esquadrilha da Fumaça - retorna para sua sede,em Pirassununga/SP, no próximo dia 2 de abril, com mais uma etapa do processo de implantação da aeronave A-29 Super Tucano cumprida com sucesso.

O objetivo da missão foi o treinamento dos pilotos e das equipes de manutenção e logística em deslocamentos à longa distância, o intercâmbio de experiências entre o EDA e o Esquadrão Joker, localizado na Base e que opera a aeronave A-29 há mais tempo na Força Aérea Brasileira (FAB), a prática de procedimentos de emergência no simulador de voo do Super Tucano e a realização de voos de avaliação operacional ao nível do mar.

Na primeira semana, o foco foi a manutenção operacional com voos de aeronaves isoladas, além de treinamento nos simuladores de voo, tanto pelos pilotos, quanto pelos mecânicos que puderam ter seus conhecimentos aprofundados sobre o A-29. O Encarregado da Manutenção, Suboficial Robson Bortholin, explica que, durante a atividade, panes que ainda não aconteceram na prática foram simuladas e treinados os procedimentos corretos que deverão ser adotados para saná-las, contribuindo para a preparação daqueles mecânicos que são habilitados a dar partida nas aeronaves para cheque de performance do motor.

Já na semana seguinte, aconteceram voos com os sete aviões para o desenvolvimento das manobras e acrobacias que deverão ser apresentadas na demonstração. Tudo foi filmado e a equipe pode assistir e analisar o voo sob outro ângulo, aferindo parâmetros e avaliando a exposição das manobras para o público.

Para o Comandante da Esquadrilha, Tenente Coronel Marcelo Gobett Cardoso, a missão cumpriu o objetivo uma vez que permitiu a elevação de nível operacional e logístico de toda a equipe e ratificou a avaliação positiva acerca do desenvolvimento de manobras e do display de demonstração da Esquadrilha da Fumaça.

Participaram da missão 43 integrantes da Esquadrilha a bordo de nove A-29 Super Tucano e um C-130 Hércules, da Base Aérea do Galeão, que realizou o transporte do material de manutenção e equipes de mecânicos e apoio. Um representante da Empresa Brasileira de Aeronáutica (EMBRAER), fabricante do avião, também esteve presente concedendo suporte técnico.

Devido à implantação da nova aeronave, a Esquadrilha da Fumaça está com suas demonstrações suspensas, sem data prevista de retorno.


 Voos de avaliação operacional na BANT
Decolagem com três aviões
Mecânicos também treinam em simulado de voo do A-29
Pilotos realizam a manobra DNA
Aeronaves taxiam na BANT

Fonte: EDA
Fotos: Sgt. Batista

Comentários

Unknown disse…
Saudades... Amo muito tudo isso...Voltem logo...

Postagens mais visitadas