A350 XWB está na Bolívia para testes em grandes altitudes



A aeronave A350 XWB, MSN3, está na Bolívia, onde ele vai realizar uma série de testes nos aeroportos de grande altitude de Cochabamba e La Paz. Cochabamba esta a cerca de 8.300 pés acima do nível do mar, já La Paz é um dos maiores aeroportos em grande altitude, cerca de 13.300 pés. 
 A350 XWB in Bolivia for high altitude testing 1

As operações em tais aeroportos de grande altitude são extremamente exigentes para os motores das aeronaves, Unidade de Potência Auxiliar (APU) e sistemas operacionais. O objetivo destes testes é demonstrar e validar a funcionalidade completa de motores, sistemas, materiais, bem como para avaliar o comportamento global da aeronave sob essas condições extremas. Decolagens com todos os motores de funcionamento e com falhas de motor simulados estão sendo realizadas em cada um dos aeroportos para coletar dados sobre as características de funcionamento do motor e validar o desempenho da aeronave na decolagem. O comportamento do piloto automático também será avaliado durante os pousos automáticos e toques e arremetidas. 

A350 XWB in Bolivia for high altitude testing 4

Desde o primeiro vôo do A350 XWB com MSN1 em 14 de junho de 2013, mais de 800 horas de testes de vôo foram realizados em cerca de 200 voos de testes por ambas as aeronaves (MSN1 e MSN3). No total, a campanha de ensaios em vôo do A350 XWB irá acumular cerca de 2.500 horas de vôo com uma frota de cinco aeronaves. O teste de vôo rigoroso levará à certificação do A350-900 pelas autoridades de aeronavegabilidade Européia EASA e a FAA dos Estados Unidos, antes da entrada em serviço no 4º trimestre de 2014.


Fonte: Airbus
Tradução: Revista Aero Latina

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

A350 XWB in Bolivia for high altitude testing




The A350 XWB development aircraft, MSN3, is in Bolivia where it will perform a series of tests at the high altitude airfields of Cochabamba and La Paz. Cochabamba is around 8,300 feet above sea level, and La Paz is one of the world’s highest airports at 13,300 feet.

Operations at such high altitude airfields are particularly demanding on aircraft engines, Auxiliary Power Unit (APU) and systems. The aim of these trials is to demonstrate and validate the full functionality of engines, systems, materials as well as to assess the overall aircraft behaviour under these extreme conditions. A number of take-offs with all engines operating and with simulated engine failures are being performed at each of the airfields to collect data on engine operating characteristics and validate the aircraft take-off performance. The autopilot behaviour will also be evaluated during automatic landings and go-arounds.

Since the A350 XWB’s first flight with MSN1 on June 14th 2013, over 800 flight test hours have been performed in close to 200 test flights by both MSN1 and MSN3. In total the A350 XWB flight test campaign will accumulate around 2,500 flight hours with the fleet of five aircraft. The rigorous flight testing will lead to the certification of the A350-900 by the European EASA and US FAA airworthiness authorities, prior to entry into service in Q4 2014.



Comentários

Postagens mais visitadas