Voos comerciais não sofrerão atrasos devido à operação CRUZEX


Passageiros que vão embarcar e desembarcar no Aeroporto Internacional Augusto Severo, em Natal (RN), durante o período da CRUZEX Flight 2013, podem ficar despreocupados em relação aos horários dos voos. Para evitar imprevistos, há um ano a equipe da operação CRUZEX, em conjunto com o Destacamento de Controle do Espaço Aéreo (DTCEA), planejam o fluxo aéreo.

Na capital potiguar, a média é de 90 voos por dia. Segundo o Major George Auzier, comandante do DTCEA, esse número será mantido. “Os voos comerciais, particulares ou de transporte de enfermos não sofrerão interferência devido ao exercício. A operação foi encaixada nos horários mais tranquilos: entre as 9 horas e meio dia, e entre 14 e 17 horas da tarde. Nesses intervalos, os voos da CRUZEX não interferem na operação das empresas aéreas”, disse.

O comandante explica que os atrasos ocorridos não têm relação com o treinamento. “O fechamento no aeroporto do Rio de Janeiro, por causa do mal tempo, gerou pequenos atrasos. Esses acontecimentos já são esperados e estão além do nosso controle”, disse.




Mesmo incluída na operação, Fortaleza não receberá voos. Outras pistas serão usadas apenas como alternativa, caso haja imprevistos com o tempo ou o avião tenha problemas técnicos. “Estamos preparados para utilizar outras localidades”, esclareceu.

O Major Auzier ainda avaliou as experiências adquiridas com as edições passadas. “Houve uma melhora significativa. Esse é o resultado do planejamento tanto na concepção quanto na execução final. Cada dia estamos evoluindo”, conclui.



Fonte: CRUZEX

Comentários

Postagens mais visitadas