Emirates deve dar nome ao estádio do Corinthians

Emirates Airlines deverá pagar uma quantia de R$ 450 milhões para dar nome ao novo estádio corintiano.

Arena Corinthians, vulgo Itaquerão
Estádio do Corinthians que está sendo construído na Zona Leste: estádio poderá se chamar Emirates Arena ou Arena Emirates. (Governo Federal/Portal da Copa)
São Paulo - Emirates Arena ou Arena Emirates. Assim deverá se chamar pelos próximos 20 anos o novo estádio corintiano, que está sendo construído no bairro de Itaquera, na zona leste de São Paulo. Em troca, a companhia aérea com sede nos Emirados Árabes Unidos vai depositar nos cofres do Corinthians a quantia de R$ 450 milhões - isso equivale a uma renda anual para o clube de R$ 22,5 milhões.

O contrato ainda não foi assinado. E depende de um "sim" dos comandantes da empresa dos Emirados Árabes Unidos. A diretoria do Corinthians já demonstrou estar satisfeita com os números apresentados. A decisão está nas mãos dos Sheik's, que comandam a companhia aérea. Entre os envolvidos, poucos acreditam que o negócio não seja fechado. Assim, a Emirates dará nome ao estádio.


O valor que está sendo fechado com a Emirates é pelo menos R$ 50 milhões a mais do que o próprio Corinthians calculava receber quando começou a estudar a possibilidade de uma empresa dar seu nome para o estádio. Isso tem a ver com a concorrência pelos naming rights do Itaquerão. Ambev e Zurich Seguros também estavam no páreo, de acordo com informações do mercado.

A Emirates está desenvolvendo uma política agressiva de marketing no Brasil não só por ter um voo diário entre São Paulo e Dubai, mas porque tem planos ambiciosos no País num curto espaço de tempo. Pesou ainda na opção pela empresa, além do dinheiro oferecido, sua experiência na área. A companhia aérea tem acordo de sucesso com o Arsenal, dando seu nome ao estádio do clube na Inglaterra.


Escolhido para ser a sede de São Paulo dos jogos da Copa de 2014, incluindo a abertura da competição, o estádio do Corinthians tem previsão de ficar pronto em dezembro deste ano. O local terá capacidade para 48 mil torcedores, sendo que esse número será aumentado para 65 mil durante a realização do Mundial no ano que vem, com a colocação de arquibancadas provisórias.




Fonte: EXAME

Comentários

Postagens mais visitadas