Corpo cai de avião da Air France no Níger

Muitos clandestinos que se escondem em trem de pouso dos aviões, morrem colgelados.
Muitos clandestinos que se escondem em trem de pouso dos aviões, morrem congelados

Um avião da Air France está temporariamente bloqueado em Niamei, capital do Níger, onde é submetido a perícia após a queda de um corpo da fuselagem da aeronave, durante um voo na cidade. Em comunicado, a companhia aérea francesa informou que um clandestino teria caído do compartimento do trem de pouso do avião, onde havia se escondido, num voo que fazia a rota Uagadugu, Niamei, Paris, no dia 24 de julho.

Em um comunicado, a Air France expressou "compaixão" e lamenta "esta tragédia humana". Mais cedo, o ministro nigeriano do Interior, Abdou Lab, havia relatado em uma coletiva de imprensa que havia forte probabilidade de o corpo ter sido "jogado ou ter caído do avião da Air France, pois havia manchas de sangue na asa esquerda do avião".

Um médico legista colheu amostras do corpo, que agora serão submetidas a testes de DNA para comparação com o sangue encontrado na asa do avião. O ministro afirmou desconhecer se o caso envolve um passageiro ou um clandestino.

Nos jatos, o compartimento do trem de pouso é grande o suficiente para, se necessário, abrigar uma pessoa responsável por acionar o sistema manualmente, por meio de alavancas. O acesso ao compartimento é feito por um tipo de alçapão localizado perto da cadeira do piloto.

Outros casos dramáticos

Em dezembro de 2012, um homem foi encontrado morto em um rua da periferia de Londres e posteriormente foi identificado como sendo um clandestino de Moçambique que caiu do trem de pouso de um avião durante as manobras de aproximação do aeroporto de Heathrow.

Um incidente semelhante foi registrado em fevereiro de 2010 num voo que decolou de Nova York com destino a Tóquio. Um clandestino se agarrou ao trem de pouso do Boeing 777- 200 e acabou morrendo por falta de oxigenação.

As cabines de avião são projetadas para reproduzir, em um ambiente artificial, temperatura e nível de oxigênio compatíveis aos que temos em terra. Conforme o avião vai ganhando altitude, o oxigênio vai diminuindo, sem falar na temperatura externa, que pode alcançar 55 graus negativos a 10 mil metros de altitude.


Fonte: RFI

Comentários

Postagens mais visitadas